Apesar de lucro bilionário, Águas Guariroba propõe reajuste salarial abaixo do INPC aos empregados

Na próxima segunda-feira (06) os empregados da empresa Águas Guariroba, uma das empresas do Grupo AEGEA, atual concessionária dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário de Campo Grande, estará votando se aceitam ou não a cda empresa para o Acordo Coletivo de Trabalho com vigência de 01/11/2021 a 31/10/2022. Vale lembrar que esse Grupo é o mesmo que venceu o processo da “PPP de Esgotamento Sanitário do MS”, que vem sendo contestado na Justiça por Ações Populares movidas em Campo Grande e Dourados e, constam de Inquéritos tramitando junto ao Ministério Público.

Segundo o Presidente do Sindagua, Lázaro de Godoy Neto, a pauta da categoria apresentada a empresa em 01/10/2021, trata do “reajuste dos salários pelo INPC do período (11/2020 a 10/2021) da ordem de 11,08% mais 3,33% do INPC de 2015 que simplesmente não foi repassado ao salário do trabalhador, com compromisso de ser revisto nos anos seguintes, tão logo a empresa auferisse lucros”. Ainda segundo o sindicato, já no ano de 2015 a empresa fechou com um lucro líquido de R$ 107,3 milhões de reais e, mesmo assim não houve a recomposição do índice ao salário dos empregados.

A empresa Águas Guariroba, que faz parte da holding AEGEA apresentou como contraproposta o índice de reajuste salarial de 8,82%; reajuste do auxílio alimentação em 15% e ainda um “agrado natalino” de R$250,00 reais, conforme definiu o sindicato, já que na proposta o sindicato demandou como pleito, um abono natalino equivalente ao auxilio alimentação pago mensalmente.

Além da reposição do INPC foi apresentado a concessionária que, os valores referentes ao Auxilio Alimentação fossem corrigidos pela variação da cesta básica em Campo Grande nesse mesmo período. Segundo o DIEESE publicou no último dia 05/11/2021, a alta na capital foi de 25%, no entanto, por ainda não dispor desses índices quando protocolada a pauta, o proposto pelo Sindaagua foi de correção em 22,94%. Ou seja, abaixo do que foi publicado dentro do PNBCA – Pesquisa Nacional da Cesta Básica de Alimentos/DIEESE.

Em reunião realizada na sede do sindicato da categoria, no dia 01/12/2021 entre os diretores e os delegados sindicais que representam os empregados da concessionária, “a contraproposta foi REJEITADA por UNANIMIDADE. No entanto, por força da legislação a mesma seria posta em votação eletrônica pelos 682 (seiscentos e oitenta e dois) empregados da empresa no dia 06/12/2021, com seu início às 07:30 horas e encerramento às 17:30 horas”, esclarece Godoy.

Personal Card

Categorias
Arquivos

Você não pode copiar o conteúdo desta página